Depois do boom das moedas virtuais em 2017,provavelmente já ouviu falar de Bitcoin. Actualmente é a criptomoeda mais famosa do mundo. Utilizada anteriormente por apaixonados por tecnologia, o seu crescimento despertou a atenção de investidores em todo o mundo.

Mas afinal, o que é Bitcoin?

Assim como o Dólar ou o Euro, o Bitcoin é uma moeda. Sua principal diferença, no entanto, é que a sua emissão não é feita por nenhum Banco Central. Na verdade, o Bitcoin não existe no mundo material, então não é possível ver notas de Bitcoin a circular.

Criada em 2008, a moeda virtual é gerada por sistemas computacionais de forma descentralizada e criptografada, o que garante a segurança dos dados.

O processo de criação de um Bitcoin tem o nome de “mineração”.

Em 2009, qualquer pessoa que tivesse o software poderia “minerar”, mas a partir do crescimento da moeda, o número de mineiros de Bitcoin foi reduzido, ficando a tarefa de criar Bitcoins restrita apenas para quem tem computadores com hardware robusto.

O sistema foi desenvolvido para que sejam produzidas apenas 21 milhões de unidades em todo o mundo.